Chama-se de taxa de conversão a ação realizada pelo cliente em resposta à uma estratégia de marketing, como, por exemplo, a assinatura de newsletter, baixar um folheto ou, ainda, efetivar uma compra em um site. Podemos dizer, então, que a taxa de conversão funciona como uma avaliação de quantos clientes realizaram uma ação.

Vamos a um exemplo: imagine que você enviou um e-mail para um grupo de 100 potenciais clientes, divulgando um novo produto ou serviço da sua empresa, e incluiu neste e-mail um link de uma página de inscrição para uma avaliação gratuita por um mês. Dos 100 clientes, 20 clicaram no link enviado. Isso quer dizer que a sua taxa de conversão foi de 20%.

Nesse caso, quanto mais pessoas clicarem no link, maior será a sua taxa de conversão. A seguir, veja algumas dicas para aumentar sua taxa de conversão:

Foque no público certo.

Se sua empresa criar uma solução para que os pets passeiem sozinhos e enviar um e-mail para um grupo de pessoas que não possui animais de estimação, a taxa de conversão será baixa. Por esse motivo, você deve focar e direcionar as estratégias para o público certo, que são as pessoas que poderão, efetivamente, utilizar seu produto ou serviço.

Facilite a decisão do seu cliente: simplifique.

Sabe aqueles links difíceis de encontrar ou, ainda, aqueles formulários gigantes para preencher? Então, eles podem diminuir a sua taxa de conversão. A dica é: seja claro, direto e simplifique a vida do seu cliente. Deixe o link clicável facilmente visível (procure não colocar outros, para evitar confusão), e crie um formulário com dados relevantes, mas, com a menor quantidade de campos possível.

Seja atraente e convincente.

Seus clientes devem saber, exatamente, qual problema seu produto ou serviço ajuda a resolver, e quais resultados ele traz. Para que isso aconteça, é essencial que sua comunicação seja clara e específica e crie uma conexão. As taxas de conversão serão maiores à medida em que seus clientes forem se identificando, cada vez mais, com a sua marca.

Faça testes e analise os resultados.

Quando se está conhecendo a sua audiência, o ideal é ir fazendo testes com algumas versões em sua comunicação, como um e-mail, por exemplo, e enviá-las a um grupo pequeno de pessoas, para verificar o clique em cada uma delas e compará-las. Assim, escolhe-se a versão com melhores resultados, para ser enviada para a lista de distribuição completa. Essa é a evolução, na prática, do marketing.

Inicialmente, suas taxas de conversão podem ser mais baixas. Porém, isso não é motivo de preocupação, afinal, você está conhecendo seus clientes e identificando a melhor forma de atraí-los. Com o tempo, você saberá como criar mensagens mais convincentes e qual a abordagem mais eficiente, aumentando suas taxas de conversão e, consequentemente, seus lucros e resultados.

Para mais conteúdos, siga a Farnesi Digital no YouTube, Facebook e Instagram!