Você gostaria de dar uma outra cara para o seu site? Isso é possível com o redesign! Além de modificar o visual, tornando o site mais atrativo, o redesign tem como objetivo melhorar a experiência do usuário, pois serão feitas alterações relacionadas à navegação, melhorando o alcance do público.

Será que é o momento de investir no redesign do site da sua empresa? Confira, neste artigo, quais são as razões para repaginar a identidade visual do seu website e atrair mais clientes para conversão.


Quando e por que investir no redesign do meu site?

Visite seu site, navegue pela homepage e páginas internas, clique nos links, imagine-se tendo uma experiência como usuário navegando pela sua página. O que você acha dele? É atrativo? Quais melhoras acredita que precisam ser feitas? Leve em consideração também, os feedbacks que já teve de outros usuários. Anote suas observações e considerações.

Ao pensar em redesign, deve-se entender que é um processo que vai além de alterações visuais, apenas, e demanda tempo, planejamento e investimento.
Veja, a seguir, a checklist que preparamos para te ajudar a identificar se, afinal, você deve ou não investir no redesign do seu site:

1. O site parece desatualizado, com visual “antigo”: para manter-se no mercado, é necessário estar atento às novidades, tanto na parte visual, quanto nas atualizações, que melhoram a experiência de navegação dos visitantes da sua página.

2. Faça um benchmarking: veja os sites dos concorrentes, analise quais tendências estão seguindo, e, se necessário, aplique as melhores práticas para o seu site, seguindo essas tendências. Mantenha-se competitivo e valorize sua marca.

3. Design responsivo: é muito importante que os seus clientes consigam ter uma boa visualização do seu site, independente do dispositivo que utilizarem.

4. Experiência do usuário: a parte visual do site é essencial, porém, é fundamental verificar itens como o tempo de carregamento das páginas, o funcionamento dos links, a qualidade e atualização das imagens e informações e a média de tempo que os visitantes permanecem no site. Isso tudo forma um conjunto que melhora a usabilidade do usuário.

5. Otimize a navegação do seu website: seu site precisa ser acessível, legível e de fácil navegação e entendimento, garantindo uma boa experiência para qualquer que seja o usuário.

6. Alinhe as estratégias e mudanças da empresa ao seu site: sua marca passou por alterações de identidade visual? Há novas estratégias de mercado? Em ambos os casos, seu site deve estar alinhado a todas essas mudanças.

7. Você não tem os retornos esperados com seu site: aqui, é importante analisar dados como o tempo de permanência dos visitantes em seu site e o número de acessos às páginas. Também é interessante ver se os textos dos CTAs (call to action, a chamada da ação para o cliente) estão atrativos, atingindo as necessidades dos seus clientes, para o aumento de conversão.

8. Segurança e confiabilidade: o usuário precisa sentir que está seguro ao navegar pelo seu site, principalmente, se for uma loja virtual, na qual ele irá inserir dados pessoais e confidenciais. Confira se seu website possui o certificado SSL (que mostra o “HTTPS://” e o cadeado na barra de endereço do navegador), selos de qualidade, um canal de comunicação eficaz e rápido, para elogios ou resolução de possíveis problemas. Mantenha as redes sociais e contatos da empresa sempre atualizados. Analise, também, as avaliações e feedbacks, para mensurar o nível de satisfação de seus clientes.

9. Site lento ou travando: esse é um ponto que merece atenção especial, pois a demora no carregamento pode levar à desistência e abandono do site. Esteja sempre atento ao tempo de carregamento de suas páginas, e certifique-se de que seu site seja leve, garantindo uma melhor experiência a quem navega por ele.


O que levar em consideração na hora de fazer o redesign?

O redesign de se site pode causar impactos aos usuários que já navegam por ele. Pode ser que estranhem o novo formato, por exemplo. Por isso, é importante pensar em estratégias que tragam o máximo de impacto positivo tanto para os usuários, quanto para os objetivos da empresa.
Confira, abaixo, os pontos a serem considerados para fazer o redesign:

• Qual o impacto do novo design para o visitante? Como citamos acima, o novo design do site pode gerar impacto, nem sempre positivo, aos usuários. Para que essas mudanças sejam mais assertivas possível, e tenham boa aceitação pelos usuários, é importante informá-los que o site está repaginado, e mostrar quais melhorias isso trará à sua experiência ao navegar por ele.

• Por que ter um site responsivo?  O site responsivo garante que o visitante tenha a mesma visualização de conteúdo e layout do seu site, independente de qual dispositivo utilizar para acessá-lo, seja desktop, tablet ou smartphone.

• Analise os dados e estatísticas do antigo site:  O redesign do site não se trata, apenas, de mudanças visuais. O objetivo é que ele alcance ainda mais visibilidade e tenha um maior número de conversões, ao se tornar mais atrativo para seus clientes. Para isso, faça uma análise das estatísticas dos dados antigos antes da reformulação, para planejar e traçar estratégias de melhoria, e compará-los com os do novo site.

 

• O flat design é uma boa opção? Sim, dependendo da área de atuação da sua empresa, pode ser uma ótima opção investir em um design mais clean. Um layout plano e design mais simples, podem deixar o site mais leve e melhorar a navegabilidade do usuário.

• Links antigos: Ao reformular o site, alguns endereços podem sofrer alterações. Portanto, para que os visitantes ainda possam encontrar as páginas, é necessário manter os endereços antigos às novas páginas.


Será que meu site precisa de reformulação/redesign?

Tudo está em constante transformação, o tempo todo. Assim como surgem as novas tecnologias, também ocorrem mudanças nos hábitos e comportamento dos usuários.

Isso quer dizer que seu site deve ser atender às necessidades de seus clientes, ao mesmo tempo em que segue as tendências tecnológicas, para manter-se sempre competitivo.

Se pretende destacar-se junto aos seus concorrentes, e aumentar sua taxa de conversão, você precisa checar o visual do seu site e fazer as atualizações que achar necessárias, para modernizá-lo e acompanhar as novidades do mercado.

Atualmente, como está o visual do seu site? Quais melhorias podem ser feitas?


Por que utilizar o WordPress para realizar essas mudanças?

O WordPress é a plataforma de Customer Success Management (CSM) mais utilizada no mundo todo. Além disso, ao criar um site no WordPress, é possível a aplicação de várias funcionalidades, melhor controle dos processos, integração com a loja virtual, blog e ainda ter facilidade na manutenção.

 

Como a Farnesi Digital pode te ajudar?

Se você quer repaginar seu site, entre em contato com a Farnesi Digital! Iremos identificar suas necessidades e reformulá-lo de acordo com as novas estratégias da sua empresa.

Somos especialistas em WordPress! Clique aqui e saiba mais sobre nossas soluções digitais!

Esperamos que tenha gostado desse artigo!

Siga a Farnesi Digital no YouTube, Facebook e Instagram!

Até mais!